Breaking News
Home | Mercado de Motos | Mercado de motos: produção cai 30%, maior queda em 14 anos

Mercado de motos: produção cai 30%, maior queda em 14 anos

Crise sem fim no mercado de duas rodas, de acordo com a entidade, foram produzidas 887.653 unidades no ano, contra 1.262.708 em 2015, chegando ao menor patamar desde 2002. Naquele ano, o setor acumulou 861.469 motos feitas.

As montadoras acreditam em um crescimento de 2,5% para 2017, com 910 mil motos, segundo as previsões.

Em dezembro, as montadoras fabricaram 32.814 unidades, representando uma retração de 35,2% frente ao mesmo mês de 2015, quando 50.633 motos foram produzidas.

De janeiro a dezembro foram comercializadas 858.120 motocicletas, 27,9% inferior ao mesmo período de 2015, com 1.189.933.

Exportações
As exportações somaram 6.402 unidades em dezembro de 2016, contra 5.944 de dezembro 2015 e 3.957 em novembro, o que representa um crescimento de 7,7% e 61,8%, respectivamente.

Nos 12 meses do ano passado foram exportadas 59.022 motocicletas, frente a 69.123 em 2015, correspondendo a uma queda de 14,6%.

Emplacamentos
Em dezembro, foram emplacadas 80.837 motocicletas, volume 16,9% superior ao apresentado no mês anterior (69.122). Em relação ao mesmo mês de 2015 (107.862), houve queda de 25,1%. No acumulado do ano, a queda foi de 26,5%, passando de 1.224.597 unidades, em 2015, para 899.793, em 2016.

Vendas no atacado
As vendas no atacado – para as concessionárias – atingiram 56.155 unidades em dezembro, recuo de 18,9% em relação ao mesmo mês de 2015, com 69.253, e queda de 5,4%, em comparação com novembro (59.372).

Projeções
As novas projeções feitas pela entidade indicam uma queda de 13,7% em 2016. Em maio, a Abraciclo havia projetado que o setor iria fechar o ano com uma retração de 9,7% na produção.

Informações via G1

About admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *